fbpx
SAC + 55 11 2672-9450
SAC + 55 11 2672-9450

 

Dicas para se divertir com os filhos mesmo com o isolamento social promovido pelo coronavírus

 

As crianças estão em casa, com tempo e energia de sobra. Mas nem pensar em sair com elas para passear. A pandemia do novo coronavírus obriga o chamado isolamento social. Com isso, surge a dúvida: o que fazer com os pequenos em casa? Certamente, atividades não faltam. Basta explorar um pouco a criatividade. Para facilitar, vamos apresentar algumas dicas que ajudarão a entreter os filhos, promovendo a união da família.

Brinquedos reciclados

Quem separa o lixo reciclável em casa tem uma boa fonte de materiais para as crianças montarem seus próprios brinquedos. Sabe o Garfinho, personagem do filme Toy Story 4? É bem por aí! Portanto, garrafa pet, caixas de papelão e até mesmo uma embalagem de iogurte podem virar um brinquedo bem legal.

Fazendo a própria pista de corridas

A Fórmula 1 e outras categorias do automobilismo mundial estão paradas. Mas não na sua casa, certo? Se as crianças têm vários carrinhos, é possível montar um circuito próprio, com fitas adesivas coladas pelo chão da sala ou do quarto. Eles vão curtir muito!

Brincadeira na cozinha

 

Os pequenos que gostam de brincar de chef de cozinha têm a chance de caprichar no cardápio. Assim, vale programar aquela “bagunça organizada” para preparar cookies, bolos, tortas, entre outros deliciosos pratos.

Contar histórias

Aqui, é possível abrir o mundo da imaginação para entreter e encantar os pequenos. Uma roda de leitura de livros vai distraí-los, num momento bem gostoso. Certamente, clássicos da literatura infantil são ótimas opções.

Que tal Stop?

Com a tecnologia, muitas brincadeiras antigas foram deixadas de lado. Então, que tal ensinar seus filhos um jogo simples e, ao mesmo tempo, muito divertido. Para isso, papel e caneta na mão para brincar de Stop, para apontar nomes de coisas, lugares ou pessoas de acordo com as letras sorteadas. Com uma turma animada, o jogo de stop pode levar horas.

Atividades educacionais

Aliás, a tecnologia também pode ajudar na missão com os pequenos. Para isso, pesquise alternativas na internet para elaborar uma rotina educativa para eles, caso as escolas não tenham preparado uma programação específica. Afinal, estudar também é necessário, mesmo longe do ambiente escolar.